17 de julho: “Dia de Proteção as Florestas”

17 de Julho dia de proteção da floresta

No dia 17 de Julho, no Brasil, quem é festejado é o protetor das florestas. Como diz o nosso folclore o Curupira é responsável pela proteção das florestas brasileiras. Segundo a lenda, o menino, com cabelos avermelhados e pés virados para trás, protege florestas e animais dos caçadores e destruidores da natureza. Quem tenta seguir seu rastro acaba errando o caminho, indo para o lado contrário.

Como sabemos, o folclore é baseado em fatos imaginários, que passam de geração a geração. Mas estes protetores da natureza são reais. Profissionais como engenheiros florestais, agrônomos, biólogos, educadores ambientais, entre outros, são responsáveis por cuidar e fazer a preservação do planeta todos os dias. Porém todos nós podemos ser protetores da natureza.

O reflorestamento está ganhando, cada vez mais, importância e força. E nesta luta a Flora Tietê não pode deixar de lembrar como é importante que todos tenham consciência da importância desta atividade para a preservação das florestas brasileiras.

Está é uma prática positiva, seja por objetivo comercial ou ambiental, consistindo na restauração da mata original de um determinado lugar. É um conjunto de ações que ajudam e protegem o nosso ecossistema. Trata-se da limpeza dos terrenos, do plantio de novas árvores no lugar das cortadas, do cuidado com as novas plantas e da proteção dos animais e vegetais, que as circundam respeitando e garantindo a biodiversidade local. Atitudes que qualquer um pode tomar.

Seja você também um protetor das florestas e siga as 7 dicas da Flora Tietê!

1 Organize atividades de restauração de áreas degradadas em sua cidade. Mutirões de limpeza de matas, córregos e afins fazem muita diferença.

2 Busque informações de como você mesmo pode plantar árvores e com algumas dicas de um profissional você pode ser agente de uma grande mudança para o planeta.

3 Saiba quais empresas trabalham de uma forma menos impactante ao ambiente e dê preferência aos seus produtos.

4 Cuidado com o fogo!  Não jogue pontas de cigarro acesas na mata além de causar incêndios, você está poluindo. Também evite fazer fogueiras, principalmente em dias de muito vento. Não solte balões ou fogos de artifício na mata, mesmo após o estouro, ainda permanecem com fogo e brasas, o que pode iniciar um foco de incêndio.

5 Evite comprar objetos de madeira extraída de árvores ameaçadas de extinção. Compre apenas madeira extraída de áreas em reflorestamento. Certifique-se que o fornecedor é amigo do ambiente.

6  Controle o seu consumo de papel! Use sempre os dois lados da folha. Dê preferência à compra de material reciclado e sempre que possível destine o seu papel usado à reciclagem.

7 Repasse conhecimento. Transmita a importância do meio ambiente e como todos ao seu redor podem ajudar a salvar as florestas. Encoraje as pessoas a viverem de uma forma que não machuque o ambiente.

Por Bianca Barbis
Assessoria de Imprensa
Interageai